Arquivo | Noticias de Israel RSS feed for this section

Apesar de conflitos, turismo em Israel bate recordes no ano

22 dez
Tel Aviv, 22 de novembro de 2012, 19h. Uma chuvinha fria afugenta as pessoas da rua. Um dia antes, um atentado a bomba em um ônibus no centro da cidade deixou um saldo de 28 feridos. O país vivia o último dia do último conflito na Faixa de Gaza -o cessar-fogo foi declarado naquele mesmo dia.

Em Tel Aviv, os moradores seguem suas vidas sem aparente tensão apesar do atentado, o primeiro do gênero desde 2006. Não há policiamento ostensivo.

Leia o texto completo…

Anúncios

A 65 anos Onu aprovava criação do Estado de Israel. Um brasileiro presidiu a seção

29 nov
Osvaldo Aranha foi reconhecido pelo povo judeu como um dos articuladores para criação do Estado de Israel. Em sua homenagem há uma rua em Tel Aviv, que leva o seu nome.

Muitas pessoas não sabem que na história de Israel, um brasileiro tem um papel de destaque. Trata-se do diplomata Oswaldo Aranha (1894 – 1960). Ele foi uma peça importantíssima na criação do atual Estado de Israel.

Em 29 de novembro de 1947, Oswaldo Aranha abriu a sessão e após alguns discursos começou a votação. Os países foram chamados por ordem alfabética e os votos iam se alternando entre sim e não. No final Aranha declarou: 33 votos a favor, 13 contra, 10 abstenções e 1 ausência.

Leia o texto completo…

Hillary ressalta compromisso dos EUA com segurança de Israel

20 nov
Hillary e Netanyahu posam para fotos antes de reunião
A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, afirmou nesta terça-feira, 20, em Jerusalém antes de se reunir com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, que o compromisso dos Estados Unidos com a segurança de Israel é "forte como uma rocha".

"O compromisso americano com a segurança de Israel é forte como uma rocha e inquebrantável. Isso é porque acredito que é essencial (obter) uma 'desescalada' da situação em Gaza", afirmou Hillary durante uma breve entrevista coletiva à imprensa.

Leia o texto completo…

Gaza: Hamas diz que negociação de trégua foi positiva

18 nov
Autoridades do Hamas disseram neste domingo que as negociações com Israel mediadas pelo Egito para acabar com o conflito na Faixa de Gaza foram "positivas", mas agora estão focadas nas possíveis garantias do cessar-fogo, informou a AFP.

Uma autoridade, que falou sob condição de anonimato, disse que uma solução aceitável para o Hamas seriam garantias dos Estados Unidos. "Há esforços neste sentido", afirmou. O Hamas quer ter certeza de que "agressão e assassinatos vão ser suspensos", disse outra autoridade.

Leia o texto completo…

Obama afirma que Israel tem direito de se defender

18 nov
O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse neste domingo que Israel tem o direito de se defender dos mísseis atirados contra o país por militantes da Faixa de Gaza.

Segundo Obama, “nenhuma nação da terra poderia tolerar uma chuva de mísseis” sobre sua população. Ele acrescentou que quaisquer esforços para resolver o conflito em Gaza “começam com a suspensão do ataque com mísseis contra o território israelense”.

Obama está em visita à Tailândia, e fez os comentários depois que ataques de Israel atingiram duas sedes da imprensa em Gaza. Depois do episódio, militantes palestinos dispararam mais dois foguetes de longo alcance contra Tel Aviv. As informações são da Associated Press.

Israel envia representante ao Egito para tentar cessar-fogo.

18 nov
Uma autoridade israelense chegou neste domingo (18) ao Cairo para as negociações de cessar-fogo entre Israel e a Faixa de Gaza, informaram autoridades de segurança do Egito, em condição de anonimato.

O Egito está liderando os esforços internacionais para alcançar um cessar-fogo no conflito de cinco dias entre Israel e militantes do Hamas em Gaza.

Nabil Shaath, assessor do presidente palestino Mahmoud Abbas, que estava no Cairo, confirmou a chegada do israelense. Ele disse que “há tentativas sérias pela trégua”. 

As informações são da Associated Press.

Jerusalém é atacada e Israel pode entrar em guerra a qualquer momento

18 nov
As Brigadas Ezzedine al-Qassam, o braço armado do Hamas na região da Faixa de Gaza, assumiram a responsabilidade pelo foguete M75 que caiu em Jerusalém ontem. Trata-se do primeiro ataque contra a cidade eterna desde a década de 1970.

A sirene de alerta soou no início da tarde na cidade, assustando os moradores. Ninguém ficou ferido. Horas antes, outro foguete caiu perto de Tel Aviv, gerando pânico na praia perto da costa. Caiu perto da embaixada dos Estados Unidos, gerando um clima de crise internacional.

Leia o texto completo…